Espreita Aqui

O anzol 

Ontem, quando voltava para casa, no silêncio da noite, decidi ligar o rádio do carro. É um hábito muito recorrente que tenho. Naquelas horas tardias, as estações de rádio costumam passar, normalmente, músicas tranquilas que nos embalam no percurso. 

Ontem foi um caso desses. Uma música bem antiguinha, “O Anzol” dos Rádio Macau, que me envolveu num misto de serenidade e nostalgia. Já não a ouvia há muito tempo. 

É uma das músicas mais complexas que conheço. Se não nos deixarmos levar somente pela batida rítmica, damos de caras – ou melhor, de ouvido – com uma realidade bastante verídica: o que falta inventar ou descobrir neste mundo tão vasto? 

Parece que já não há mais nada de novo aqui… de baixo do sol…

Viver também é recordar, e esta música dos anos oitenta é uma ferramenta excelente, para isso.

Fugir ou morder o anzol? 

Aqui fica a questão. Vale a pena ouvir. 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s