Contar, sem Contar

Contar, sem contar

“A coragem não é a ausência do medo, é a persistência apesar do medo”.

Sou insatisfeito. É um facto. Por muito bom que seja o conforto e a satisfação daquilo que já está feito, procuro sempre uma coisa nova. Algo que pode até não resultar, mas que entendo que faça sentido num determinado momento.

E nisso tudo, a comunicação está sempre presente. É a minha praia. Quem me conhece – mesmo que pouco – sabe que sou muito feliz a comunicar. 

Nestes três meses do Há Conversa tive a oportunidade de receber convidados incríveis e de fazer aquilo que mais gosto: entrevistar. Todo o processo foi, e é, mágico. Desde a preparação da “conversa” até ao momento da gravação. Foram estórias que mexeram comigo. Acrescentaram sempre alguma coisa. 

O Há Conversa está a ser perfeito. Um sonho. No entanto faltava-me algo. Converso sempre sobre uma determinada personalidade ou temática. É a minha zona de conforto. Agora vou começar um desafio que será, provavelmente, o mais difícil de todos: entrevistar pessoas que me são próximas. Íntimas. Pessoas que pertencem ao meu núcleo pessoal. Pessoas de quem gosto muito (Não desfazendo a grande admiração e o carinho pelos meus convidados do Há Conversa). Pessoas que tinha pudor em “entrevistar”. A voz falhava-me. Ficava vermelho como um semáforo. E as pernas não paravam um segundo. 

Agora é o momento. Sem “medos”, ou inseguranças.

Nasceu o Contar, sem Contar.

E a primeira entrevista de todas já esteve cá fora, mesmo antes de anunciar este novo projeto. Foi com a minha Marry!

São sempre curtas. Têm 10 minutos e são escritas. E o mais incrível de tudo: os entrevistados nunca sabem quando vai ser!! É sempre sem contar – tal como o próprio nome.

Só preciso de um gravador. E assim, do nada, surge uma conversa incrível. Não há problemas com o cenário, com as roupas, com o “ficar bem, ou ficar mal”. É totalmente genuíno. É sempre amizade, amor, companheirismo ou qualquer outro tema referente à pessoa que está à minha frente.

O primeiro já está! E os próximos já estão a ser pensados. Preparem-se porque qualquer dia estamos a frente a frente para contar tudo.

contar sem conatr

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s