Crónicas

Até já, Londres

A saída é a única certeza que há. Hoje saio. Volto. Torno a casa. À minha, à do coração, à que me recebe todos os dias. Gosto muito de viajar, porque como já disse, a ida é o que me faz desejar a vinda. Hoje deixo Londres. Deixo cá muita coisa. Levo ainda mais. Levo… Continue reading Até já, Londres